inscreva-se

18 de ago de 2013

Saudades da minha eterna mãe

Olá como vão, amanhã minha mame ia fazer 66 anos...dureza viu, faz muita falta, ela faleceu a dois anos e 4 meses

Pensa em uma pessoa em que todos gostavam, uma pessoa...querida, amiga, mãe, tudo, ela é tudo

Aqui em casa costumamos falar sempre do ela gosta e não do que ela "gostava", falamos como se ela ainda estivesse aqui porque ela é muito amada, muito apegada a todos, aliás, nós somos muito apegada a ela

Hoje eu estou meio chorona, sei que algumas pessoas não acreditam, mas eu sim, acredito que ela está hoje num mundo sem dor, sem doença, um lugar de paz, muita paz, alegria

Eu não fico brava e nem triste quando desabafo da falta que ela faz e algumas pessoas vem com papo que morreu...acabou, nem esquento

Para minha pessoa...nunca vai acabar, acredito sim que depois que passamos dessa para melhor a uma continuação, isso acalma a alma e meu coração, e é assim com todos da família

Acho que estou meio chorona porque estou sozinha agora, meu marido foi na casa de um amigo, minha filha saiu com minha irmã, meu pai foi dormir e é um senhor bacana, mas com seus 68 anos não é de muito papo, ele gosta mesmo de um joguinho de futebol na TV e num frio desse ficar quietinho debaixo do cobertor e eu sou meio tagarela então ele não tem muita paciência

Já viu né, a gente sozinha fica muita pensativa e fuça o passado e aí guenta

CREDO, que momento DEPRÊ, para com isso né

Mas isso passa, amanhã vou levar uma flor para minha mãe e como dizemos sempre = a vida continua, e ela não deve gostar nadinha de me ver chorona assim, ela, minha mãe, tem uma força total, muito realista, então....

Beijocas, desculpa o desabafo, até os próximos posts