inscreva-se

4 de set de 2015

Luto pelos refugiados que não conseguiram chegar a um destino

Que bom que essa familia pode ser enterrada e não ficaram perdidos no mar, meus sentimentos, isso me abalou profundamente. Alias...tudo o que acontece com as pessoas que estão se refugiando em outros paises me abala demais
Acho que a gente reclama por besteira. Temos teto, se bater na porta de alguem esse alguem vai lhe dar o que comer, temos paz
Agora imagina esse povo tendo que atravessar esse mar imenso, sabe-se lá em que condições, para mal saber se vão conseguir ser recebidos, sem comida e agua, sem abrigo, sem emprego.

----------
Quando vi o menino e não tem como não ver porque apareceu em tudo que é canto, fiquei imaginando o desespero da familia de não saber onde o pequeno estava. E por mais que seja dolorido, ele teve um enterro..........

-------------
Abaixo o link da reportagem no site da Globo.com
http://g1.globo.com/mundo/noticia/2015/09/menino-sirio-que-morreu-afogado-na-turquia-e-enterrado-em-kobane.html
----------------
Aylan Kurdi, de 3 anos, e o irmão, Galip, de 5 anos, em foto mostrada pela tia dos meninos (Foto: Cortesia de Tima Kurdi/The Canadian Press via AP)